Bright 2: Netflix cancela sequência do filme com Will Smith

Prestes a completar um mês, o escândalo de Will Smith na premiação do Oscar segue trazendo consequências para o ator. Agora, a Netflix anunciou o cancelamento da sequência do filme de suspense e fantasia Bright, enquanto o NatGeo revelou que a série Pole to Pole terá a produção adiada.

Imagem: Reprodução Netflix

Bright 2 seria a sequência do filme de 2017 dirigido por David Ayer, que conta com Smith como protagonista interpretando o detetive Daryl Ward. No longa, seres humanos coexistem com diversas criaturas místicas.

A recepção do filme não foi muito boa, mas ainda assim suficiente para a Netflix considerá-lo uma de suas melhores estreias e anunciar, em 2018, que haveria uma continuação. Agora, quatro anos depois, Bright 2 foi oficialmente cancelado.

Imagem: Reprodução Netflix

Já a série Pole to Pole seria a terceira colaboração de Smith com o NatGeo, depois de One Strange Rock e Welcome to Earth. Na série, o ator visitaria o Polo Norte e o Polo Sul, e as gravações começariam daqui a três semanas. Com a pausa, o início foi adiado para o segundo semestre.

Cancelado

Além da Netflix, a Sony também cancelou Bad Boys 4 e Fast and Loose, em que Will Smith estava envolvido. Para completar, o ator também foi banido do Oscar por 10 anos, uma consequência direta do tapa que deu na cara do também ator Chris Rock. A agressão aconteceu quando o humorista fez uma piada sobre a condição de saúde da esposa de Will, Jada Pinkett Smith, que sofre de alopecia e, por isso, perdeu todos os fios de cabelo.

Na mesma noite, Will Smith recebeu a estatueta de Melhor Ator por sua atuação em King Richard e disse ter se arrependido da ação, pedindo desculpas publicamente. Mesmo assim, parte de Hollywood condenou a reação do ator e o caso segue dividindo opiniões.

Fonte: Collider