8 filmes bons para quem curtiu 365 Dias

Um dos maiores sucessos da Netflix, 365 Dias, filme polonês que gerou grande polêmica na época do seu lançamento, está prestes a ganhar uma sequência.

Com o lançamento marcado para 27 de abril, o título do novo filme é “365 Dias: Hoje” e já teve seu primeiro teaser divulgado. Clique aqui e assista!

Mas enquanto a sequência não chega, veja abaixo algumas obras que valem a pena assistir, não apenas por seu conteúdo sexual mas porque elas entregam tramas, direções ou atuações surpreendentes.

365 Dias: Hoje (Reprodução: Youtube/Netflix)

Ata-me
Disponível na Apple TV; Youtube Filmes
Para conquistar o amor de uma atriz, um jovem decide sequestrá-la e trancá-la em sua própria casa, mas sua ausência logo começa a levantar suspeitas e a preocupar sua irmã.

Ata-me

Garotas Selvagens
Disponível na Apple TV+, Prime Video, Youtube Filmes
Em pequena cidade costeira da Flórida, um professor é acusado de estuprar duas jovens estudantes. Um policial começa a investigar o caso e descobre uma conspiração feita de mentiras e traições, num jogo em que é difícil enxergar a verdade.

Garotas Selvagens

Instinto Selvagem
Disponível no Youtube Filmes, Apple TV+
Catherine Tramell é uma escritora extremamente sedutora e principal suspeita de um assassinato. O policial Nick Curran é incumbido de desvendar o crime, mas fica fortemente atraído por Catherine, colocando a própria vida em risco.

Instinto Selvagem

Em Carne Viva
Disponível na Netflix
Frannie Avery (Meg Ryan), uma professora de classe média de Nova York, é testemunha de um estupro, cujo bandido pode ter sido o mesmo que cometeu um assassinato na cidade. O detetive James Malloy (Mark Ruffalo) investiga o caso, e seu relacionamento com Frannie rapidamente passa de profissional para pessoal. Com o assassino solto pela cidade, a testemunha teme por sua vida e desconfia até mesmo de seu amante.

Em Carne Viva

Secretária
Disponível no Prime Video, assinatura Premium
Lee Holloway, uma jovem com um histórico severo de problemas emocionais, recebe alta de um hospital psiquiátrico e volta à casa dos pais. Ela arranja emprego como secretária de um advogado exigente, E. Edward Grey, e começa a namorar Peter, um rapaz gentil mas sem graça. Lee acaba entrando numa relação sadomasoquista com Grey.

Secretária

Elle
Disponível no Youtube Filmes, Prime Video
Paul Verhoven aparece mais uma vez na lista por um de seus melhores filmes recentes, Elle, protagonizado por Isabelle Huppert. Aqui, Verhoven é polêmico mais uma vez, ao retratar a reação peculiar de Michèle (Huppert) depois de ser estuprada. Misturando um assunto super delicado com um filme altamente sexual, Verhoeven é novamente controverso, mas consegue entregar um filme sobre estupro surpreendentemente empoderador.

Michèle é uma personagem interessante exatamente por sua excentricidade, dando à Elle uma realidade humana raramente vista no cinema americano. Com uma grande direção, belas performances e claro, cenas quentes, não falta nada ao filme.

Elle

Amar
Disponível na Netflix
Laura e Carlos vivenciam a intensidade e a fragilidade do primeiro amor e veem a realidade da vida abalar suas noções românticas idealizadas.

Amar

Observadores
Disponível no Prime Video
Depois de se mudar para um apartamento novo no centro de Montreal, o jovem casal formado por Sydney Sweeney ("Euphoria") e Justice Smith ("Generation") começa a se interessar cada vez mais pela vida intíma dos vizinhos excêntricos da janela em frente à sua. 

Mas as sessões de voyeurismo se complicam quando eles começam a esbarrar nos objetos de desejo em seus cotidianos, levando a consequências fatais

Observadores