Caso Yoki: Netflix estreia série documental sobre Elize Matsunaga

A Netflix estreou sua nova série documental: Elize Matsunaga: Era Uma Vez Um Crime, que acompanha um dos casos criminais mais conhecidos do Brasil, Elize Matsunaga matou o próprio marido. Pela primeira vez, ela é entrevistada e divide seu ponto de vista sobre os fatos.

(Imagens: Reprodução/Internet)


“Ainda não sei dizer que tipo de emoção fez eu apertar aquele gatilho”, revela Elize Matsunaga, mais de nove anos após o assassinato e esquartejamento do marido, Marcos Matsunaga.

Pela primeira vez após o caso, a ré confessa quebra o silêncio em entrevista para nova série documental da Netflix.

O trailer traz depoimentos de Elize, familiares e colegas dela e da vítima, além de especialistas que acompanharam as investigações - incluindo jornalistas, advogados de defesa e acusação e peritos criminais.

Veja o trailer:


  
A série, com quatro episódios de 50 minutos cada, revisita ainda o passado de Elize, de sua infância em Chopinzinho, pequena cidade do Paraná, até o conturbado relacionamento com o empresário antes do assassinato. Traz também os detalhes que sucederam o fato, desde tentativas de acobertamento do crime, passando pela confissão, prisão, julgamento em 2016 e também saídas temporárias, que foram acompanhadas pela equipe de filmagem.

A série documental é da Boutique Filmes para a Netflix, com direção de Eliza Capai, que conta: "Senti uma responsabilidade moral muito grande em dirigir essa série. Não só pela família do Marcos e pelos amigos que sofreram com essa tragédia, mas também pela família da Elize, pessoas que não sabiam de nada daquilo, mas que também sofrem as consequências até hoje”.

Elize Matsunaga: Era Uma Vez Um Crime estreou em 8 de julho, só na Netflix.

Créditos (Divulgação/Netflix)

Postar um comentário

0 Comentários