Crítica | "We Are Who We Are" - Episódio 2

No primeiro episódio, conhecemos o mundo através dos olhos de Fraser em "We Are Who We Are", agora foi a vez de termos a experiência por Caitlin, no segundo episódio da nova série da HBO.

Reprodução


Caso você ainda não tenha conferido a CRÍTICA do primeiro episódio, é só clicar aqui.

Apresentando Jordan Kristine Seamón como Caitlin uma garota de 14 anos entrando na puberdade, o segundo capitulo de "We Are Who We Are", segue o ritmo lento e explorando ao máximo seus personagens, afim de conduzir o expectador aos seus sentimento mais íntimos.

Caitlin, sem dúvida é a preferida do pai, que mesmo tendo um filho homem, a coloca neste posto, até mesmo comprando para ela um boné Make America Great Again, para combinar com o dele.

Ambientada em uma base militar dos Estados Unidos perto de Veneza, na Itália, a série se apresenta cada vez mais como uma derivação atual de Call Me By Your Name, o filme que trabalhou nesse mesmo formato, talvez "estranho", algo sedutor e romântico, e tão próximo do tédio e surpresas do cotidiano.

Reprodução


Introduzindo o episódio, somos levados aos mesmo lugares do primeiro, porém, a versão agora, é a de Caitlin, que se mostra tentando encontrar-se no mundo. Sem dúvida, a adolescente, que parece não ter medo, e foge totalmente do padrão "meninas adolescentes", revela-se com uma personagem em ritmo crescente.

Como uma versão alternativa do episódio anterior, numa velocidade mais lenta, a visão de Caitlin está longe se ser desinteressante.

Por ser uma menina que aparentemente apresenta uma dupla identidade de gênero, aprofundar essa questão, mesmo que subjetivamente, revela ao público os conflitos existentes de dentro para fora.

É como se fossemos levados juntos à essa autodescoberta.

Outro ponto que difere as visões dos personagens, é que agora, assim como Caitlin, já estamos em casa, e não mais perdidos, buscando um equilíbrio, como Freaser.


Reprodução

A partir do próximo episódio esperamos uma conexão maior entre Fraser e Caitlin. O querer saber mais um do outro e a troca de olhares é mostrada em alguns pontos, e unir essas experiências e ambições, pode ser promissor em suas jornadas.

"We Are Who We Are" contará com 8 episódios, exibidos na HBO às segundas, 23 horas.

Postar um comentário

0 Comentários